Dino

Mercado de pilhas e baterias se aquece na pandemia

São Paulo 30/6/2021 – Produtos eletrôncos que requerem pilhas alavancam o mercado de pilhas em período de isolamento social.

Maior presença das pessoas em casa aumenta uso de aparelhos que requerem pilhas. A Elgin participa desse setor com várias opções do produto.

As medidas restritivas de circulação e o distanciamento social que ocorrem durante a pandemia geraram uma maior permanência em casa de todos os membros das famílias brasileiras.

Esse fenômeno gerou aumento do uso de aparelhos eletrônicos, controles remotos e brinquedos, e o consequente incremento no consumo de pilhas e baterias. A tendência para esse mercado é de superar a média de faturamento anual, que gira em torno de 1,2 bilhão de reais, segundo a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (ABINEE).

A Elgin, empresa que possui várias famílias de produtos, vem ganhando participação nesse mercado aquecido, focada no nicho de consumidores que buscam qualidade e preço atrativo. Os destaques são os modelos de pilhas alcalinas, de maior durabilidade e as recarregáveis, mais práticas e de rápida reposição nos aparelhos.

A linha de pilhas alcalinas Elgin conta com as versões AAA (palito), AA (pequena), C (média) e D (grande). Também oferece a versão recarregável nos tipos AAA e AA.

“Nossas pilhas se consolidaram junto ao consumidor graças à relação custo-benefício do produto, aliada à marca Elgin, há quase 70 anos no mercado”, explica Antonio Carlos Pazetto, diretor comercial da empresa.

A linha de pilhas e baterias faz parte da família de produtos Consumer Goods, que abrange, entre outros produtos, lâmpadas, luminárias, pilhas e baterias.

Website: http://www.elgin.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *